3 Erros de SEO que você ignora e fazem toda a diferença

27 de junho de 2019
Web SEO

A maioria das pessoas executam o SEO só na parte frontal do site, e esquecem que a arquitetura do seu site manda mais que até mesmo o layout. Existem mestrados, doutorados e especializações em arquitetura de sistema e empresas economizam milhões só por uma troca de padrão.

Vou dar dois exemplos simples. Quem tem bastante tempo trabalhando com site vai lembrar que antes fazíamos sites com tabelas e frames, quando viramos para padrões tableless (divs e css melhorado) empresas economizaram muitos gigas com tráfego. Outro exemplo é que antes os webservices eram todos via XML, depois disso foi criado o JSON e além de economizar muito com tráfego o tempo de renderização do arquivo também foi aprimorado.

Quando o Google ou outros buscadores carregam sua URL ele compara o padrão do seu site com o site do seu concorrente, e aí eles sempre colocam na frente o padrão melhor ignorando o conteúdo. Só faz sentido ele comparar o conteúdo, as semânticas e todas as tags do SEO se os padrões são nivelados por cima.

Você usa wordpress e seu concorrente usa wordpress ele compara o conteúdo, agora se seu site está em wordpress e seu concorrente usa PHP puro, C# ou JAVA, pode ter certeza que será muito irresistível os padrões do seu concorrente.

Pensando assim existem muitas coisas que podemos fazer para melhorar o ranking do seu site mais vou listar apenas três que você pode aplicar no seu site agora independente da plataforma ou padrão.

 

1 – Crie um sitemap e force ele no Google

Crie um arquivo de sitemap para seu site e use a plataforma webmaster tools do Google para forçar o carregamento.

 

2 – Crie um robots.txt avisando sobre o seu sitemap

Ta aí uma coisa que poucos designers e programadores fazem, criar um robots.txt para o site. O arquivo robots.txt é muito simples e bom para seu sitemap.

Adicione a seguinte linha no seu robots.txt ou se você não saber como funciona só crie o arquivo com essa linha.

Sitemap: {URL do seu sitemap}

Hoje tem tanta plataforma, que não sabemos quem carrega nosso site, então desse jeito vamos avisar onde fica todas as nossas URLs.

 

3 – Use o PageSpeed Insigths do Google

Se o Google da preferência pelas palavras do seu site, imagina pela velocidade.

No PageSpeed Insigths além de você medir a pontuação do seu site ele te da dicas de como melhorar.

Vou dar alguns exemplos, e vou usar o modo Desktop como parâmetro

Primeiro um site feito em worpress bem feito e com padrões de SEO avançadas e um servidor melhor que o desse Blog (Só tampei o site para não expor o cliente)

 

Segundo vou pegar o site da Americanas, pelo numero de venda deve ter um servidor muito melhor que o do Blog, mas provavelmente usa alguma plataforma pronta.

 

Agora colocar o próprio Blog como cobaia, lembrando que eu mesmo criei esta plataforma e ela foi feita usando PHP e MVC, e o servidor é bem simples.

 

Esse é o poder de você criar seu site com uma arquitetura boa.

Em teoria se nós vendêssemos o mesmo produto ou mesmo post, o meu entraria na frente pelo critério de velocidade e isso pode te ajudar a garantir as primeiras páginas do Google.

Bom espero ter ajudado, claro que existe muito mais que podemos fazer. Eu vou continuar postando dicas, mas se você estiver com mais dúvidas entre em contato tem muito mais coisas que podemos fazer.

Se inscreva e receba os avisos e as novidades do site!

A PHP Error was encountered

Severity: Core Warning

Message: Module 'sqlite3' already loaded

Filename: Unknown

Line Number: 0

Backtrace: